HORÁRIO DE ATENDIMENTO SEG À SEX:
DAS 9H ÀS 17H
Sindicato dos Bancários de Paranaguá

TCU investiga esqueleto no armário na Caixa Seguridade sob Pedro Guimarães

09/04/2024
/
341 Visualizações

O ex-presidente da Caixa Econômica Federal Pedro Guimarães  (Por Robson Bonin) - (Foto Divulgação)

O TCU investiga conflito de interesses envolvendo a Caixa Seguridade durante a gestão de Pedro Guimarães, no governo de Jair Bolsonaro.

O caso tem relação com a gestão de Marco Antônio da Silva Barros no comando do Conselho de Administração da Caixa Seguridade.

O tribunal deu 15 dias para que o órgão apresente explicações sobre “a situação jurídica de Marco Antônio da Silva Barros e de todos os membros do Conselho de Administração apontados como em situação de não conformidade estatutária” na investigação.

A Caixa Seguridade também deve se pronunciar sobre “a regularidade dos atos de gestão de Marco Antônio da Silva Barros em sede do Conselho de Administração” e sobre “as possíveis irregularidades em torno da relação comercial entre a Caixa Seguridade Participações com a sociedade empresária Latin America RE Administração e Corretagem de Resseguros”.

O TCU ainda cobra explicações sobre a obrigatoriedade de utilização de procedimento licitatório para os contratos de resseguro da instituição e “a legalidade da prorrogação, sem licitação, do contrato de parceria na seguradora TYO e da concomitância da Tokio Marine Seguradora na oferta casada aos mutuários com a Caixa Seguridade”.

O tribunal ainda solicitou documentos e fará uma diligência no órgão. (Fonte: Veja)

Notícias FEEB PR

COMPARTILHE

NOTÍCIAS RELACIONADAS